segunda-feira, 30 de setembro de 2013

Proenza Schouler PS13

Não tenho falado de bolsas no blog, e explico: elas são minha paixão, eu adoro uma bolsa diferente, uma cor nova, um modelo especial. Devido a isso tenho, devagarzinho, comprado bolsas desejo de grifes famosas. E ao mesmo tempo que as acho maravilhosas e super assunto para blog, fico inibida de ficar fazendo apologia de peças tão caras...

Acho que isso começou porque me incomodava ver alguns blogs de "look do dia" de blogueiras de cerca de 20 anos portando, a cada flash, uma bolsa mais cara que outra. É uma Chanel num dia, uma Hermès no outro, Louis Vuitton no terceiro e assim vai (vocês sabem de quais blogs estou falando, tenho certeza).

Mas quer saber? Bobagem, não é? Afinal, tenho 30 anos de trabalho, com +50 de vida, é explicável que possa ter finalmente o acesso a alguns luxos.
Então, aí vai, vou mostrar minhas últimas aquisições, começando por esta:

Proenza Schouler PS13

Escolhi essa bolsa por dois motivos: a ferragem prateada e a ausência de logotipo. 

Esse bolso externo é perfeito para celular e não abre fácil, tem um truque, não é de pressão. Abre com um encaixe tipo "cadeado", mas bem preciso e simples, depois de conhecido.

A bolsa tem um zíper e uma divisão só, e tem alça longa removível (não gosto, muito difícil usar com alça no ombro, prefiro carregar na mão ou no braço).

O couro é macio e perfeito, os acabamentos são primorosos. Coisa de bolsa que tem que fazer jus ao nome que a marca tem.


Sobre a ausência do logo
Após um período de excessiva ostentação, algumas grifes estão fazendo itens low profile, menos identificáveis à primeira vista, visando atender quem quer qualidade mas não quer "chegar" atrás da bolsa.
Achei essa ideia genial e aderi com essa PS13 aí de cima.

Única marcação é uma gravação no couro, próximo ao zíper central.

É difícil você se desvincular totalmente do logo, da marca registrada de um item desejo. Não consigo pensar numa Dior sem o cannage típico e as letrinhas penduradas. No entanto, escolhi essa à dedo exatamente por isso e estou satisfeita com o resultado. Uma bolsa preta é muitíssimo usável e tenho certeza que esta, assim neutra, vai durar muito.

quarta-feira, 25 de setembro de 2013

De volta: dicas do que funcionou bem na viagem

O que funcionou bem e que recomendo:

Avião
A configuração das cadeiras na classe econômica está uma vergonha! Fomos e voltamos de Air France, 777-300, avião grande e -- teoricamente -- espaçoso. Na ida as poltronas estavam tão coladas que mal havia espaço para as pernas, e a pessoa da cadeira central é obrigada a ficar com os braços junto ao corpo o tempo todo, pois qualquer movimento fazia encostar nos passageiros laterais. Na volta havia mais espaço para as pernas, foi bem melhor.

De qualquer forma, para sobreviver praticamente imóvel a um vôo de 10 horas, recomendo fortemente o uso de tampões de ouvido e máscara para os olhos. Isso, e mais um ansiolítico leve, foi o que me salvou de chegar destruída ao destino final.


Os melhores tampões para ouvido são esses da foto, de silicone, vendidos nas Farmácias para proteção aos nadadores. São confortáveis e reduzem 15% do ruído. Parece pouco, mas faz diferença ao longo das horas!


Mochila
Sempre usei uma mochila grande e esportiva ao viajar, porém desta vez comprei uma com mais carinha de bolsa. Ela funcionou super bem, confortável e bem apresentável.


O item mais importante a se considerar na mochila de viagem é a questão da segurança dos documentos e dinheiro.
Esta tem na frente dois bolsos pequenos e sem proteção. Mas o zíper que abre a parte maior fica nas costas, colado à você, sem chance de alguém mexer sem seu conhecimento. Aprovada!


Curiosamente, recebi email da loja assim que cheguei, com essa mesma mochila em promoção. Não tem mais a quadriculada na cor bege, mas tem outras, inclusive lisas, todas bonitas.

Para aproveitar, visto que a promoção é real (paguei na minha o preço cheio de R$329).


Roupas
Não tem jeito: por mais que você ache que vai usar vestidos, saltos, roupa mais chique porque a viagem é para um lugar especial, o que ocorre é que o uniforme do turista é mesmo o jeans com camiseta, jaqueta de moletom e tênis

Acrescente a isso uma boa quantidade de écharpes (em Paris estava cerca de 15C e às vezes o vento era impiedoso) e é tudo que se precisa no dia a dia. Não dá para inventar muito quando você sai do hotel após o café da manhã e volta quase na hora do jantar! Tem que ser roupa confortável e que aguente bem um dia de bastante movimento. 


Bijoux
Aconteceu o mesmo que com as roupas: levei maxicolares pensando em produções noturnas, etc., e no final fiquei de "uniforme" o dia todo, sem chance de tirá-las do armário.

Portanto: viaje leve. Mesmo nas lojas mais chiques eles já sabem que você é turista e que pode não estar vestido muito adequadamente, mas tem um VISA na mochila que lhes interessa muito. E em 100% dos casos fui tratada muitíssimo bem, mesmo com o jeans, tênis e camiseta.  :)

terça-feira, 3 de setembro de 2013

Férias

Estarei em férias de 04 a 22 de setembro, visitando pela primeira vez a Europa. Estou empolgadíssima!
(nem precisava dizer, não é?).

Espero viver muitas coisas interessantes, ver muita coisa linda, ter o que contar aqui na minha volta. Beijos e até!

segunda-feira, 2 de setembro de 2013

Preparando a viagem

Este ano meu marido programou uma viagem dos sonhos para comemorar nossos 25 anos de casados: vamos para a Europa por 18 dias. Barcelona, cruzeiro pelo Mediterrâneo e depois uma semana em Paris.

Vou falar uma coisa que ninguém vai acreditar: estou ansiosa pela arrumação da minha mala! E normalmente essa é a parte mais temida dos preparativos, não é?
Explico: ao longo do último ano fui comprando itens de organização de bagagens e agora, finalmente, chegou a vez de colocar todos em uso.

Item 1: organizador para passaportes, dinheiro e passagens.
Todo lindinho, interior vermelho e o puxador do zíper é um avião. Fofo -- e prático!




Item 2: estojo para bijuterias.
Com espaço para anéis, colares, brincos, tudo arrumadinho.




Item 3: porta-tudo -- biquini, ou lingerie, etc. e itens de toilette.
Com um prático cabide que o torna ideal para pendurar no banheiro.




Item 4: conjunto de sacolas de pano para viagem, contendo uma para sapatos (usei para meias), outra para lingerie e uma maior para roupa suja. Nada como evitar os plásticos, que emboloram as roupas na mala, não é?



Item 5: miniaturas L'Occitane, ideais para não levar volumes desnecessários.



Item 6: frasquinhos de 70ml fáceis de comprimir, para aquele creme importante, ou leave in que costuma não querer "deixar" o frasco.

É isso aí! Agora chega de papo que tenho uma imensa mala para arrumar! ;)

domingo, 1 de setembro de 2013

Lulu Souto

Vocês conhecem essa marca de bijoux? Eu não tinha me atentado a ela até que hoje vi um bracelete bem bonito e barato na Shop2getter:


A descrição é: bracelete em acrílico com borda dourada, e o preço está R$ 78,00 (era R$ 195,00).

Além dele, também gostei do brinco de orquídeas, bem verão, super usável por ser pequenininho e colorido:


Par de brincos dourados, formato de flor com esmalte amarelo e pérola.
E adivinha? R$58,00.

Não posso atestar a qualidade pois não tenho nada dessa designer, porém fiquei bem interessada nessas duas peças!  #tentada

Aparentemente, todas suas bijoux estão em promoção, com bons descontos. Quer ver mais? Siga este link.